Enfim, elas estão chegando

Giant Bowery

Giant Bowery, primeira da marca disponível no mercado

Um dos principais motivos de criar blog, lista de emails, fórum, eventos e etc sobre fixas é ajudar a criar demanda.

Em 2008, quando entrei nesta roubada, fazia questão de parar em todas as lojas de bike e perguntar se eles tinham fixas para vender. A estranheza e o despreso eram as reações mais comuns.

Era mais fácil encontrar um vendedor que soubesse o que é um bóson do que um que conhecesse um cubo flip-flop.

Resultado disso é que quase todas as nossas fixas são gambiarras. O que não é exatamente ruim. É muito divertido o processo de montar sua própria bicicleta. Mas nessas terras tropicais enfrentamos dificuldades caras e desnecessárias para conseguir coisas muito simples.

É difícil criticar os donos das lojas. Quem seria louco de fechar um conteiner com produtos de venda incerta? Eu não seria.

Mas parece que agora esta incerteza está diminuindo. Algumas lojas e importadores estão começando a perceber que essa onda não é simplesmente uma modinha lá fora, que pode existir mercado.

Timidamente começam a chegar os primeiros modelos de fixas e single speeds. Bicicletas inteiras, ainda com preços ridículos comparados ao faça você mesmo.

Quando eles perceberem que o que a gente gosta é de montar bicicletas personalizadas e começarem a vender peças, ampliando as possibilidade, ai o bicho pega.

Eles vão ganhar muito dinheiro e nós vamos ficar muito felizes de não ter que optar entre a gambiarra barata e o importado caro.

E viva o mercado globalizado!

Anúncios

7 Responses to Enfim, elas estão chegando

  1. juicestudio disse:

    …finalmente “algo” chegando por aqui!!!!

  2. masterfix disse:

    O negócio é fazer os importadores saber o que queremos. Mandando e-mails no contato dos site e pedindo peças.

  3. Ramiro Junior disse:

    Cara,fui na BikeExpo e coloquei no meu blog umas fotos de fixas da Fuji…

    http://bikeblogsjc.blogspot.com/2009/10/expo-bike-2009-speed-parte-2.html

    Abs.

  4. Fabio Lazzarotto disse:

    Também passei e ainda passo por isso. Hoje, aqui em Porto Alegre, têm uma Cinelli que o dono trouxe da Itália, uma Fuji dum camarada que trabalhou com ela em Londres e uma Giant igual a esta que é do representante da marca aqui. O resto, são adaptações de Speed usadas, na sua maioria Caloi ou Peugeot. Também tem algumas Vicini Pista. Cubos Flip-flop já se encontra, mas depois de muita pressão nos lojistas.Parabéns pelos textos. Sou leitor assíduo.

  5. Ricardo (Cachorrão) disse:

    Eu tenho uma Vicini Pista X2 que utilizo p/ treinos de velocidade, é uma boa opção de quadro visto o custo beneficio… Mas ainda quero comprar um quadro de pista da FUJI.
    Parabéns pelas matérias.

  6. Gunnar disse:

    O Gabba há muito tempo atrás tinha escrito sobre dois modelos de pisteiras montadas disponíveis no Brasa, KHS e Giant.

    Aqui: http://rodafixa.blogspot.com/2008/11/avaliao-das-pisteiras-disponveis-no.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: