Futuro

fevereiro 16, 2011

Conceitos de bikes futuristas pipocam a toda hora por aí. O difícil é ver alguma coisa que não seja bizarra (a não ser que você tenha o senso estético do Hans Donner).
Será que queremos bicicletas como estas?








Quando eu vejo uns trecos destes, minha vontade é que o futuro não chegue. Mas ao mesmo tempo, eu não imagino essas coisas se tornando realidade. O desenho da bicicleta hoje ainda é muito parecido na essência com uma de 100 anos atrás:


Isso vale tanto para bicicletas comuns para o uso diário, quanto pra bicicletas de competições em alto nível. Claro que algumas bizarrices já foram tentadas, como em bikes de contra-relógio, também em pisteiras e acho que principalmente em bikes de triathlon, mas no geral não foge muito deste desenho clássico. Mudam-se materiaisnovas tecnologias são adaptadas, mas a essência do desenho permanece.

Então será que o desenho da bicicleta já não atingiu um nível de perfeição que é impossível de ser melhorado? Será que esses conceitos todo pomposos não servem mais pro cara conseguir o seu diploma de desenhista industrial do que pra virar realidade? Ou será apenas que eu estou sendo um puta dum reacionário?


Downhill ao Vale da Morte

fevereiro 16, 2011

Você tá se achando destemido com sua fixa? Dá uma olhada nesse camarada descendo a milhão na sua penny-farthing.

via F.U.C.C.I.T.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 69 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: