Pra que capacete?!

janeiro 31, 2011

Essa discussão sobre usar ou não usar capacete, além de muito chata, está completamente ultrapassada.

Tá completamente chapado e resolveu descer a Hadock Lobo sem freio?

Seus problemas acabaram!!!

Chegou o incrível e sensacional air bag para ciclistas. Que além de proteger seu côco, é maior estaile.

Não acredita, veja o vídeo abaixo.

Encontrado pelo Pulice aqui.

 


Pedrinho dando o exemplo…

janeiro 3, 2011

…do que não devemos fazer!

 

Ele pediu e aqui está:

 

"alguém coloca no blogue que é perigoso andar sem capacete?" Pedrinho

Sem capacete, sem freios e mais-louco-que-rabo-de-lagartixa, eu diria, usando a expressão de um amigo ibitinguense.

Resultado de sair da balada mais very crazy de 2010… tava todo mundo com o exu do lado, disse a Laura.

$% de bêbado não tem dono, lembrou o Wagneta.

Se beber, use capacete, mandou o tôca! quer dizer, gola.

That really hurts, diria o irmão do charlie.


Ai

agosto 20, 2010

Apenas para deixar claro, eu não estou aqui pra pregar nada pra ninguém, isso não faz o meu tipo. Eu por exemplo não bebo (não, não sou crente, não sou sxe, não fiz promessa, não etc, apenas não bebo), e no entanto ninguém nunca me viu e nem vai me ver falando pra alguem parar de beber. Acho que cada um na sua. Isso se aplica também ao uso do capacete.

Só queria compartilhar isso que pintou no Brussels Bike Polo:

Não está muito claro no texto qual foi a proeza que este indivíduo fez para chegar nisso, mas o título do post é bem expressivo: “it’s all fun and games until someone loses an eye”.

Lá também tem uns anúncios pro-capacete bem interessantes, e totalmente apelativos:

Tenham uma boa tarde!


Aprenda com Lucas Brunelle

maio 19, 2010

Leveza e conforto acima de tudo

Frente e verso

Tudo que você sempre quis saber sobre como filmar em primeira pessoa e nunca teve pra quem perguntar.

Seus problemas acabaram.


Bike Polo não é saúde

março 22, 2010

No ultimo Bike Polo, 18.03, após algum gigante ter caido sobre mim (ainda não lembro quem foi) fiquei grogue, mas aparentemente bem. Fui para minha casa. Chegando lá já não lembrava mais que tinha caido e que ia juntar os trapos com a sra. Rodo.

Como logo após o rola contei o ocorrido para a Thais (a sra. Rodo) e ao chegar em casa não lembrava do ocorrido, fui levado para o Hospital.

Depois da minha memoria voltar e eu lembrar que não devo grana pra ninguem, fiquei tão feliz que tirei essa foto:

lembrando quem sou, pq eu to feliz então?

A patroa não deixou tirar fotos das enfermeiras gostosas e, como ainda não estava muito bem, também não registrei na memória. (para descrever)

Agradecimentos especias à patroa e aos sogrões, que me levaram para o hospital, a todos que ligaram para tentar extorquir uma grana de mim e, lógico, às enfermeiras gostosas de quem eu não lembro.

Conclusão que tiro do epsódio:

– no próximo Bike Polo vou jogar de capacete de futebol americano.


Use capacete, cacete.

fevereiro 5, 2010

 

Encontrado no muito bom blog do curitibano Pedalero.

obs: por favor não espalhem que eu andei lendo blogs de montanheiras nas férias.


Apologia do Capacete

maio 13, 2009
Foto ilustrativa, não representa a realidade

Foto ilustrativa, não representa a realidade

Relato via lista da bicicletada SP:

“Amigos
Ontem a noite por volta da 01 da manha tambem tive um acidente. Graças ao capacete não sofri nada serio. Foi um dos unicos dias que sai de capacete e de fixa . Estava pedalando pela direita e não vi um apressadinho veiculo cruzar o farol vermelho logo ali na paulista com bela cintra. Apertei com tudo o freio da frente ( que a fixa so tem esse) e dei a famosa “volta” no ar caido de joelhos e depois batendo a cabeça. Sorte que estava com duas calças. O capacete ( ja sofrido do tombo no pico do jaragua) merece sua aposentadoria agora, depois de um ano de uso. Não saio mais sem o capacete, nem andando ” Slow Bike”. A bicicleta so teve o guidão entortado e na hora do tombo caiu em cima de mim, o que me deu um belo hematoma nas costas. Bom pelo menos to vivo !
Abraços de triplo mortal

Haase”

………..

” Aqui em São Paulo eu costumo usar sempre o capacete. Trânsito pesado é melhor se previnir contra as quedas bobas que o capacete ajuda a diminuir os danos.

Mas todo o seu relato me faz lembrar pq as vezes eu não uso o capacete. Justamente pela “falta de coragem” que ele me dá. Acabo sendo cauteloso sem a famosa casca de isopor. Afinal o bom senso e a moderação na velocidade ajudam a PREVINIR acidentes e essa é sempre a melhor solução.
Para um pouco de bom humor, clique aqui:
abs

João Guilherme Lacerda

O N E   L E S S   G E A R


%d blogueiros gostam disto: